O imobiliário voltou ao radar dos investidores. Com a maior disponibilidade dos bancos para concederem crédito, muitos aforradores têm avançado para a compra de imóveis. Uma opção que garante boas rentabilidades num contexto de taxas zero.